Astronomia Amadora

Página Inicial
Introdução
História
Notícias
Big Bang
Via Lactea
Cosmologia
Galáxia
Buraco Negro
Sistema Solar
Estrela
Constelações
Classificação estelar
Catálogo Messier
Astrônomos
Estrelas + brilhantes
Imagens
Instrumentos
Curiosidades
Programas
Glossário
Links
Livro de Visitas
E-mail

Astronautas da Endeavour realizam sua terceira caminhada espacial

 

Os tripulantes da Endeavour iniciaram nesta quarta-feira (25-05) a terceira caminhada espacial da última série da história das naves americanas no exterior da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês).

Os americanos Drew Feustel e Michael Fincke, especialistas da missão, deixaram o módulo Quest do segmento americano do laboratório orbital às 2h43 de Brasília. Eles permaneceram no exterior durante mais de seis horas, segundo informou um porta-voz da Nasa no Centro de Controle de Voos Espaciais (CCVE).

Durante a atividade extraveicular, os astronautas instalaram no módulo russo "Zaryá" uma plataforma para o manipulador SSRMS e um conversor de vídeo para receber imagens desde o SSRMS.

Além disso, estenderão cabos elétricos desde o módulo "Harmony" até o "Zaryá" para assegurar a provisão de energia de reserva ao segmento russo da ISS.

Os astronautas conectaram ainda uma antena sem fio na superfície exterior do módulo laboratório "Destiny" que enviará valiosas informações à estação espacial.

Esta missão inclui quatro jornadas de trabalho fora do complexo ISS-Endeavour, nessas que são as últimas caminhadas espaciais realizadas na era das naves, iniciada em 1981 e que chegará ao fim em julho com a missão da Atlantis.

A nave, cuja última missão irá durar 16 dias, se desenganchará da plataforma orbital no dia 30 de maio.

Os seis tripulantes da nave Endeavour são o comandante, Mark Kelly; o piloto da missão, Greg Johnson; os especialistas de missão, Mike Fincke, Andrew Feustel, Greg Chamitoff; e o astronauta da Agência Espacial Europeia Roberto Vittori.

Na ISS, foram recebidos pelos americanos Catherine Coleman e Roland Garan, os russos Dmitri Kondrátiev, Aleksandr Samokutiáyev e Andrei Borisenko e o italiano Paolo Nespoli.

Esta é a 25ª e última missão espacial da nave americana, que realizou sua primeira missão em 1992 e que assim que retornar à Terra, em 1º de junho, será enviada a um museu de ciências em Los Angeles (EUA).

Comentários:


Política de privacidade  |  Mapa do Site